A autarquia da localidade francesa de Vandoeuvre-Les-Nancy organizou a título experimental uma iniciativa de voto electrónico na segunda volta das eleições presidenciais francesas que ocorreu este domingo, dia 5 de Maio, informou a agência France Press.



A Comissão Nacional de Informática e das Liberdades da França autorizou a experiência de voto electrónico nas mesas de voto no passado dia 19 de Abril. Anteriormente, aquela entidade tinha rejeitado a realização da iniciativa no domicílio dos eleitores, tal como estava inicialmente previsto.



Gerido pela sociedade election.com, este projecto decorreu em duas mesas de voto de Vandoeuvre. Segundo a presidente da autarquia - citada pela agência de informação -, no total foram 917 os eleitores que realizaram o seu dever cívico através da Internet, tendo Jacques Chirac recebido 94 por cento dos votos contra uns "magros" 6 por cento de Jean-Marie Le Pen.



Com esta iniciativa, o número de participantes no acto eleitoral subiu para quase o dobro, face aos 467 eleitores que votaram na primeira volta. A cada eleitor foi entregue, no local, um username e um código de acesso, antes de entrarem numa das câmaras isoladas onde estavam colocados os computadores. A identidade do eleitor nunca foi relacionada com o username e o código de acesso, assegurou a autarca.


Notícias Relacionadas:

2002-04-11 - Eleitores britânicos vão a votos utilizando o telemóvel e a Internet

2002-03-22 - França testa voto electrónico nas próximas eleições presidenciais

2002-02-12 - Reino Unido testa e-voting nas eleições locais em Maio

2001-12-02 - Smart card na base da segurança do voto electrónico na Assembleia portuguesa

2001-05-04 - Alemanha prepara voto pela Internet em 2006

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.