A Google e o Facebook terão que cumprir as leis e os regulamentos chineses se quiserem ter acesso aos 751 milhões de utilizadores da internet daquele país, noticia a Reuters.

Outra das condições para entrarem naquele que, de acordo com o Boston Consulting Group, é o país que tem o maior número de utilizadores de internet do mundo, é a de não prejudicarem a segurança nacional chinesa e os interesses dos consumidores nacionais", disse Qi Xiaoxi, diretor-geral do departamento da Cooperação Internacional da Administração do Ciberespaço da China.

Apple obrigada a remover várias aplicações da App Store chinesa. O Skype é uma delas
Apple obrigada a remover várias aplicações da App Store chinesa. O Skype é uma delas
Ver artigo

No ano passado, o Partido Comunista da China reforçou a regulamentação online, exigindo que as empresas armazenem os dados localmente e que aceitem que estes seja vigiados.

“Defendemos a ideia de que o ciberespaço não é um espaço que não é governado. É preciso administrar, supervisionar e gerir a internet de acordo com a lei”, disse Qi.

Recorde-se que, apesar da Apple operar na China, foi obrigada a retirar algumas das suas apps de VPN na China, uma vez que as VPNs são uma forma de contornar as proibições impostas pelo governo.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.