Dois meses depois da aprovação da folha técnica que estabelece o padrão às ligações 5G, a indústria arranca agora para um corrida que vai terminar com a coroação da empresa líder no segmento. E o mercado dos smartphones, como não poderia deixar de ser, já "ferve".

De acordo com um anúncio da Qualcomm, que está a desenvolver um chip que assegura conectividade 5G para telemóveis, existem já várias empresas comprometidas com o lançamento de equipamentos móveis em 2019, que vão beneficiar com a integração deste componente. LG, Sony e HTC são apenas três nomes de um grupo que conta ainda com Asus, Xiaomi e ZTE.

Para que os utilizadores possam disfrutar de toda a velocidade do 5G, vai ser preciso que as operadoras correspondam com a instalação de infraestruturas adequadas, que asseguram a cobertura de sinal. A Qualcomm também vai ajudar algumas estas empresas a conduzirem os primeiros testes ao longo dos próximos meses. O Grupo Vodafone está inserido neste leque.

Apesar de todo o cenário aparentemente favorável à implementação do 5G, é pouco provável que os consumidores portugueses possam usufruir das suas capacidades em pleno já em 2019. As primeiras demonstrações de 5G em território nacional só ocorreram no passado mês de outubro, em Aveiro, com a Ericsson e a Vodafone Portugal ao leme das operações, seguindo-se a Altice, poucos dias depois. O licenciamento do espectro, contudo, só deverá estar finalizado no final do próximo ano.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.