A Wikipedia reúne milhões de artigos redigidos em diferentes línguas, que, por sua vez, contam com dezenas e centenas de links que redirecionam os utilizadores para outras "milhentas" páginas externas, sob as quais a Wikipedia não tem controlo. Por vezes, há que reparar os links partidos, que desaguam em becos sem saída. Isto acontece porque as páginas fecharam ou mudaram de endereço, mas graças ao Internet Archive, estes caminhos podem continuar a terminar no destino certo.

Máquina do tempo da Internet já tem mais de 410 mil milhões de páginas
Máquina do tempo da Internet já tem mais de 410 mil milhões de páginas
Ver artigo

Com a ajuda da sua Wayback Machine, que regista versões anteriores dos links em que navegamos online, o portal trabalhou com a Wikipedia para restituir a ligação em mais de 9 milhões de links que terminavam em páginas sem conteúdos. Desta forma, foi possível substituir esse destino, pela página que estava inicialmente ligada ao link que surge na Wikipedia. Isto significa que, em vez de um destino partido, os utilizadores continuarão a ser redirecionados para a página que foi inicialmente ligada ao artigo em questão, quer ela exista atualmente, quer não. Isto é possível graças à cópia digital gravada na Wayback Machine.

A equipa responsável por este serviço de reparação utilizou um bot, para pesquisar por links "partidos" em artigos online, e substitui-os automaticamente pelas versões arquivadas.

O sucesso deste processo levou o Internet Archive a garantir que vai aplicar o mesmo método a outras plataformas e conteúdos, como e-books e artigos académicos. O bot também deverá ficar em análise permanente junto das páginas da Wikipedia.

Esta é uma forma engenhosa de preservar a história da internet e o conhecimento que nela existe. Adicionalmente, esta é também uma forma de credibilizar a Wikipedia, uma vez que garante a inviolabilidade das fontes citadas pelo portal.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.