Apesar de não se alongar muito sobre os valores, a verdade é que o número revelado pela diretora executiva do YouTube, Susan Wojcicki, acaba por ser um marco histórico: atualmente metade das visualizações do serviço de vídeo da Google têm origem em smartphones e tablets.



A executiva revelou que popularidade das aplicações móveis do YouTube ajudou e muito a atingir esta métrica. Nos equipamentos iOS, mesmo já não sendo uma aplicação nativa, a app do serviço está sempre nos lugares cimeiros dos programas com mais downloads, por exemplo.



A CEO do YouTube também confirmou que em breve será lançado o tão falado serviço de subscrição de música, mas além desta janela de tempo, não revelou quais serão as funcionalidades e as vantagens do mesmo sobre outras propostas.

Susan Wojcicki admitiu no entanto que a sua equipa está a procurar dar mais opções às pessoas, como revela a imprensa internacional, o que tanto pode significar diferentes modelos de subscrição como diferentes formas de consumir música.



Por fim a executiva da divisão da Google ligada à área dos vídeos acabou por fugir à questão colocada sobre porque não tinha sido concretizado o negócio Twitch, dizendo apenas que também no YouTube é possível encontrar muitas pessoas ligadas ao segmento dos videojogos.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.