Considerando que a nova versão do browser Edge da Microsoft foi construído com base na plataforma Chromium, que partilha o mesmo código-fonte do Chrome da Google, as duas gigantes tecnológicas anunciaram uma parceria para melhorar o ecossistema de integração das aplicações PWA (Progressive Web Apps) na Play Store. As aplicações PWA permitem utilizar nos browsers de internet diversos recursos disponíveis nativamente nas apps para smartphones, sejam atalhos para internet, a geolocalização, notificações avançadas ou mesmo a eventual utilização quando não tem uma ligação online.

A parceria visa melhorar a integração da ferramenta open source PWABuilder da Microsoft (que permite aos developers criarem aplicações PWA e lançarem-nas nas lojas de aplicações) com a equivalente Bubblewrap da Google.

A principal vantagem de as aplicações correrem em ambiente web passa por não necessitarem de serem acedidas em lojas de apps e manterem-se sempre prontas e atualizadas para utilização.

A Microsoft já revelou duas novidades para os developers de PWA, fruto desta nova parceria: a criação de um novo standard para os atalhos web; e a criação de novas funcionalidades e customização das PWA a correr nos equipamentos Android. Através da PWABuilder será possível definir a aparência da barra de status do Android e a de navegação no PWA, mudar o nome do executável e outras ferramentas para developers.

Um exemplo dado diz respeito à utilização do Twitter. A rede social utiliza agora atalhos para web que permitem aceder a ações rápidas, tais como criar um novo Tweet, aceder a notificações ou enviar mensagens privadas, nas versões Edge Canary e Chrome Canary.

tek PWA twitter

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.