Os primeiros conteúdos da cadeia de televisão do grupo Impresa na plataforma de streaming são novelas (Lua Vermelha e Rosa Fogo), mas a prazo ficarão disponíveis outros produtos.

Citada pelo Jornal de Negócios, a Netflix confirma o acordo e explica que vale para novelas e documentários. Também adianta que o plano passa por oferecer produtos nacionais todos os meses.

No âmbito da mesma estratégia já está disponível na plataforma o filme Amo-te Teresa ou a série Sal e em março o serviço também dará acesso a dois filmes de João Canijo: "Portugal - Um dia de cada vez" e "É o amor".

O Netflix chega atualmente a 190 países, um número que alcançou no início deste ano quando passou a cobrir mais 130 países. A produção própria é uma das apostas fortes da marca norte-americana, que para este ano tem previstas 34 novas séries e 20 filmes, mas a aposta em conteúdos de parceiros faz igualmente parte da estratégia.  

 

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.