Este ano na sua segunda edição, o Minho Campus Party, que ocorre no Pavilhão Multiusos de Guimarães, entre 31 de Julho e 4 de Agosto, já se vai tornando na alternativa para os geeks portugueses e outros fanáticos dos computadores aos tradicionais festivais que nesta altura do ano ocorrem por todas as zonas do país, oferecendo em lugar ou para além da música, uma enorme largura de banda e um programa recheado de conferências e workshops temáticos.



Até ao final de segunda-feira, dia 29, tinham-se inscrito online no evento 505 pessoas, tendo pago cada uma 80 euros pelo bilhete, segundo Pedro Matos Trigo, responsável pelos serviços de comunicação da organização. O processo de inscrição através do site do Minho Campus Party encerrou às 17 horas de ontem. A partir de agora, os interessados apenas poderão adquirir o bilhete no local do evento.



Para aqueles que consideram o preço demasiado elevado, é necessário salientar que a organização inclui já no custo o alojamento gratuito em tendas do tipo igloo disponíveis no interior e no exterior do recinto, bem como a oferta das refeições - pequeno-almoço, almoço e jantar.



A principal atracção do Minho Campus Party é o facto de os participantes poderem levar o seu PC desktop, portátil ou até PDA e desfrutar de uma velocidade de ligação que ultrapassa todas as tecnologias disponíveis no mercado. Quem não puder trazer a sua máquina preferida, pode utilizar um dos vários PCs e Macs disponibilizados pela organização. Por sua vez, a Microsoft também irá disponibilizar várias consolas Xbox para demonstração ao público.



A ligação à Internet será feita através de dois links ATM a 34 Mbits da PT Comunicações. Esta ligação é assegurada através da utilização de dois routers da Cisco Systems, empresa que patrocina este evento, disponibilizando todo o equipamento necessário para ligar as várias centenas de participantes.



Na rede local (LAN), estarão disponíveis 1.200 portas de switching a 100 Mbits dedicados para que os participantes possam ter uma permanente conectividade à rede. Alguns dos servidores - máquinas disponibilizadas pela Sun Microsystems - vão estar ligados à velocidade de 1 Gigabit (1000 Mbps). O equipamento disponibilizado pela companhia norte-americana de redes representa um investimento de 510 mil euros.



Uma das componentes de maior interesse da edição deste ano do Minho Campus Party será a área de acesso wireless - sem fios - à Internet, uma zona montada pela Cisco no exterior do Pavilhão imitando o ambiente de uma esplanada, em que será possível navegar na Internet através de um portátil ou de um PDA sem necessidade de ligação à rede de fibra óptica.



Os que não se inscreveram no evento poderão também trazer o seu próprio portátil e usufruir da comodidade da tecnologia Wi-Fi a partir de qualquer ponto das imediações do Pavilhão, uma vez que a organização emprestará um cartão próprio para o efeito.



Para os participantes que preferem coisas mais sérias existe ainda, tal como é comum em eventos deste tipo, um programa preenchido por inúmeras conferências e workshops denominado Minho Net Point. Aqui será possível, entre outras hipóteses, participar numa sessão sobre serviços Web conduzido por responsáveis da Sun e da Microsoft, sobre sistemas abertos ou sobre o mercado e a comunidade portuguesa dos jogos de computador.



O Minho Campus Party irá contar ainda com um vasto número de concursos não oficiais, competições de Quake e Unreal Tournament e stands relativos às entidades participantes e patrocinadoras do evento. Para mais informações, basta contactar o guia do programa disponível no site.


Notícias Relacionadas:

2002-07-10 - Minho Campus Party 2002 está quase a chegar com muita largura de banda

2001-08-29 - Minho Campus Party 2001: A odisseia na Rede

Entrevista: Mais do que um congresso informático, uma rede de pessoas

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.