A Amazon é a maior rival da Google na área das pesquisas online, de acordo com a análise feita pelo presidente do conselho de administração, Eric Schmidt. O alto representante da Google acredita que a empresa rival, liderada por Jeff Bezos, tem uma maior capacidade de desvio de tráfego do que o Bing e o Yahoo!.



As declarações foram feitas por Eric Schmidt durante uma visita a uma empresa alemã de software e hardware. O executivo referiu-se por exemplo ao sistema de classificação e avaliação dos produtos, algo que as pessoas procuram quando estão a tentar comprar algo online.



De acordo com dados da Comscore, citados pelo CNet, o Google teve 233 milhões de visitantes únicos durante o mês de agosto, enquanto a Amazon registou 172 milhões de visitantes únicos.



Mas o problema da Google pode não se chamar apenas Amazon. A verdade é que atualmente a gigante dos motores de busca é o alvo a abater por muitas empresas, portanto mesmo que cada tecnológica consiga roubar um pouco daquilo que a Google tem, a mossa acabará por ser grande nas receitas da empresa.



Um exemplo é a área da publicidade online, a galinha dos ovos de ouro da Google. O Facebook tem vindo a crescer nesse segmento e apresentou há pouco tempo uma rede de anúncios que pela simplicidade e capacidade de seguir os utilizadores para todo o lado, promete atrair bastante investimento.



Mas também a própria Amazon pode estar a preparar uma entrada neste mercado e a empresa de Jeff Bezos pode até ser mais bem sucedida que as restantes tentativas, visto ser um player dominante no comércio eletrónico – o que garante uma melhor relação entre o que é mostrado e o que pode ser comprado.



Para evitar este cenário, Eric Schmidt disse que a Google precisa de continuar a inovar, sob pena de serem os concorrentes a inovar e a tornarem a Google obsoleta com o passar dos anos.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.