A Rede do Conhecimento das Bibliotecas Públicas, apresentada no final da semana, vai colocar em rede 150 bibliotecas públicas portuguesas até final de 2006, através de uma plataforma tecnológica comum que terá como objectivo estimular a troca de ideias, experiências e informações.

O projecto, que visa promover o acesso gratuito à cultura nas bibliotecas, prevê a instalação de mais dois computadores em cada uma das 150 bibliotecas envolvidas e de um ponto de ligação à Internet através de rede fixa ou wireless, que permita o uso de computadores portáteis.

Esta rede disponibilizará igualmente serviços interactivos para facilitar a pesquisa de catálogos, a reserva e o empréstimo de documentos e a troca de informação.

As bibliotecas envolvidas vão beneficiar de uma plataforma tecnológica para a criação e gestão do catálogo colectivo, assim como ferramentas de gestão para aquisições, empréstimos periódicos, estatísticas de utilização e partilha de registos bibliográficos.

O Instituto Português do Livro e das Bibliotecas (IPLB , que apresentou o projecto, garantiu que este está completamente desenhado e pronto para ser montado. A sua operacionalização depende no entanto da concordância das bibliotecas, já que a maioria das bibliotecas envolvidas são municipais.

Notícias Relacionadas:
2005-05-04 - Presidente da UE apoia criação de uma Biblioteca Digital Europeia

2005-04-29 - Chefes de Estado solicitam à UE criação de uma Biblioteca Digital Europeia

2004-12-15 - Google digitaliza colecções de cinco bibliotecas universitárias americanas

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.