A sexta edição da Campus Party original decorre, como é já tradicional, em Valência, Espanha, de 5 a 11 de Agosto. Este ano prevê-se que reúna mais de três mil utilizadores da Internet oriundos principalmente da Europa e da América Latina, informou o Ministério da Ciência e Tecnologia daquele país.



O evento espanhol começou um dia após o encerramento da segunda edição do Minho Campus Party, que teve lugar em Guimarães de 31 de Julho a 4 de Agosto e que contou com a participação de 734 fanáticos dos computadores, de acordo com a Associação Industrial do Minho, responsável pela organização deste evento onde investiu mais de 250 mil euros. Segundo Eduardo Beira, um dos organizadores, a ideia de criar o Minho Campus Party resultou em parte do êxito alcançado pela festa de Valência.



O objectivo desta iniciativa é permitir que os utilizadores partilhem as suas experiências e receios sobre a Internet, bem como encorajá-los a participar em actividades relacionadas com a Internet.



O projecto "Internet para Todos" do Ministério Espanhol da Ciência e Tecnologia está presente com um expositor, onde todos os visitantes poderão obter informações sobre esta iniciativa de alfabetização digital que procura atrair mais cidadãos espanhóis para o novo meio.



Para Yolanda Rueda, directora da organização Cibervoluntariado e membro da associação E3 Futura, organizadora do evento, "é importante fazer deste encontro um movimento social que sirva criar consciência entre os cidadãos da necessidade de todos ajudarem a Espanha a evoluir nas Tecnologias da Informação e da Comunicação".



Para além do stand, o projecto "Internet para Todos" criou também uma nova área de solidariedade digital, que apoia o movimento do cibervoluntariado, onde se realizam uma série de iniciativas, como uma acção de formação para aprender a utilizar a Internet através de cursos simultâneos e gratuitos com cinco horas de duração.



Para que esta actividade se concretiza, o projecto dispõe de mais de três mil metros quadrados no Museu das Ciências Principe Felipe, divididos em três grandes salas de aulas pelas quais se irão repartir os cursos, com a periodicidade de dois por dia, de manhã e à tarde.


Notícias Relacionadas:

2002-07-31 - O "festival" dos computadores começa hoje em Guimarães

2001-08-29 - Minho Campus Party 2001: A odisseia na Rede

Entrevista: Mais do que um congresso informático, uma rede de pessoas

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.