Os sites europeus vão passar a dar ao utilizador a possibilidade de desligar os cookies, ferramentas usadas para "aprender" as preferências de cada utilizador e permitir a posterior entrega de publicidade ou conteúdos moldados aos seus gostos e interesses.


A medida entrará em vigor por iniciativa do sector e conta com o apoio de nomes como a Yahoo, Microsoft, Google ou AOL, que estão entre as empresas que se preparam para adoptar as novas regras e exibir nos seus sites o botão que permite desactivar estes sistemas.


Na prática a alteração vai passar a permitir que o utilizador decida se pretende ou não dar acesso à sua informação, quando navega. As páginas vão passar a contar com um botão com a designação AdChoices, a partir do qual o utilizador pode fechar o seu PC à acção dos cookies, por via de uma alteração às configurações de privacidade.


Vale a pena sublinhar que as medidas, propostas pela indústria como medidas de auto-regulação, são anunciadas cerca de um mês antes da entrada em vigor de uma nova Directiva europeia, que determina que os sites só podem instalar cookies com a autorização dos respectivos utilizadores.


Em declarações à Reuters, que avança a notícia, um representante da indústria assegura no entanto que as medidas agora definidas não estão directamente relacionadas com a entrada em vigor da Directiva. Estão alinhadas com alterações que também estão a acontecer no mercado norte-americano, igualmente resultantes de um acto de auto-regulação.




Nota da Redacção: Foi feita uma correcção a algumas expressões para melhor definir o âmbito dos cookies.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.