Os internautas transferiram 1,81 mil milhões de ficheiros media a partir de serviços agora alternativos ao Napster, onde se contam o Kazaa, o MusicCity e o Grokster durante o passado mês de Outubro, segundo um estudo recente da Webnoize. Este indica ainda que durante o mesmo mês o nível de utilização destes serviços aumentou 20 por cento, face aos 1,51 mil milhões de downloads de ficheiros registados em Setembro.



Os três serviços "alternativos" referidos utilizam software da FastTrack, uma empresa de tecnologia peer-to-peer holandesa, e partilham a mesma rede. De acordo com a Webnoize, o crescimento da rede FastTrack tem sido "estrondoso", o que explica que durante os últimos quatro meses o número de utilizadores normalmente ligados em simultâneo aumentou cerca de 480 por cento.



Durante Outubro, 1,3 milhões de utilizadores estiveram simultaneamente ligados à rede, comparados ao milhão de utilizadores ligados ao mesmo tempo no mês anterior. Para Novembro a empresa prevê que o número ultrapasse os 1,57 milhões de utilizadores, o valor registado no pico de utilização do Napster.



Algumas destas alternativas também permitem aos utilizadores trocarem filmes no lugar de músicas, o que tem posto a indústria cinematográfica nervosa. No passado dia 3 de Outubro, empresas ligadas à área da música e do cinema processaram a MusicCity, o Grokster e a FastTrack, acusando-as de "infracção massiva aos direitos de autor".



Um estudo recente da Jupiter Media Metrix indicava que o encerramento do Napster tinha feito com que o volume da troca de ficheiros de música diminuísse na Europa (ver Notícias Relacionadas). De acordo com a Media Metrix, o nível da actividade de partilha de ficheiros baixou 50 por cento na Europa desde Fevereiro, altura em que o Napster estava no seu auge.



O declínio na Europa parecia coincidir por sua vez com um aumento nos Estados Unidos durante o mesmo período, afirmava a empresa. No mês passado a Jupiter reportava que, contrariamente ao sucedido na Europa, a partilha de ficheiros tinha aumentado em 500 por cento entre Março e Agosto, graças à popularidade alcançada pelas alternativas ao Napster.



Notícias Relacionadas:

2001-11-02 - Comunidade europeia online continua a preferir o Napster

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.