A Via Verde, participada da Brisa, vai avançar com factura electrónica para os clientes com aquele sistema de pagamento electrónico até final do ano. Para já estão a ser resolvidas as últimas questões legais para avançar com o processo, mas a expectativa é de que o serviço esteja disponível a partir de Novembro ou Dezembro deste ano, detalhou ao Tek Ana Romão, directora comercial da Via Verde, à margem de uma conferência de imprensa.



A empresa não tem ainda uma previsão de quando poderá passar a dispensar o uso de papel, mas a responsável garante que o lançamento da factura electrónica será acompanhado de acções de sensibilização dos utilizadores para as questões ambientais e para a necessidade de reduzir a circulação de papel.



A Via Verde tem cerca de 1,6 milhões de clientes e só no ano passado enviou 8,6 milhões de extractos, um número que tende a aumentar caso se cumpram as expectativas da empresa para 2006, ano que pretende concluir com 2 milhões de identificadores em circulação. Para já, a única previsão é que a médio prazo 20 a 30 por cento dos extractos fornecidos aos clientes o sejam pela via electrónica.



Páginas da Via Verde e Brisa de cara lavada


A Auto-Estradas de Portugal anunciou ainda a renovação das páginas de Internet da Via Verde e da Brisa. As novas versões estão disponíveis a partir do próximo sábado e têm como objectivo reforçar a capacidade da empresa para fornecer informação aos seus clientes e utilizadores.



O novo site da Via Verde permitirá o acesso a informação detalhada sobre facturação, com a capacidade de separar informação referente a consumos nas portagens, bombas de gasolina e parques de estacionamento. Fica também disponível online a possibilidade de fazer alterações de morada, alterar a matrícula do veículo associado a determinado identificador, passar vários identificadores para um mesmo contrato ou saber o estado de determinado pedido ou de um identificador que não está a funcionar correctamente.



Segundo a empresa passam para o site 30 a 40 por cento dos serviços que hoje requerem um atendimento personalizado, uma migração que terá impacto na eficiência das lojas, mais libertas para tratar de assuntos que não dispensam o contacto pessoal, sublinha Ana Romão.



No que respeita à reformulação do site da Brisa, a principal novidade vai para a possibilidade de ver imagens de trânsito em 80 por cento da rede da concessionária (a partir de meados do próximo ano quando todo o troço estiver equipado com câmaras). As imagens panorâmicas que o utilizador pode consultar são actualizadas de dois em dois minutos tal como a sinalização inerente ao mapa da rede.



Este mapa fornece informação sobre todos os elementos e equipamentos que integram os percursos, mas também sobre acidentes, obras e outras situações temporárias que condicionem a circulação.



Notícias Relacionadas:

2000-10-02 - Brisa e SIBS criam Via Verde Portugal

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.