Sob nova direcção, a Associação do Comércio Electrónico em Portugal (ACEP) reiterou o seu apoio ao Plano Tecnológico e diz-se comprometida em contribuir para acelerar a concretização do objectivo de ter 25 por cento dos portugueses a comprar online, regularmente, em 2010,
tendo aprovado um conjunto de medidas nesse sentido.



Para os novos órgãos sociais da associação, eleitos para o triénio 2006-2008 no passado mês de Novembro, o Plano Tecnológico apresentado pelo Governo português é "fundamental", e o sucesso da sua implementação "ditará o destino de Portugal na competição pelos lugares cimeiros do desenvolvimento económico e social da União Europeia", pode ler-se num comunicado enviado à imprensa.



"A actual direcção (...) compromete-se a executar um ambicioso plano de actividades para o triénio 2006-2008 que pretende trazer à Associação, aos seus associados e ao comércio electrónico em geral, um aumento significativo de credibilidade, notoriedade e reconhecimento público que certamente contribuirão para um efectivo desenvolvimento sustentado do comércio realizado electronicamente, seja com empresas ou com consumidores", refere-se no mesmo comunicado.



A ACEP assegura ainda que tem sido, e será cada vez mais, "um parceiro do Estado e das empresas na promoção e implementação do comércio electrónico em Portugal".



Da actual direcção da ACEP fazem parte Alexandre Nilo Fonseca, como presidente, e Francisco Maria Balsemão, da Impresa, Francisco Matos Chaves, da TV Cabo, Jorge Landau do jornal Público, Manuel Paula, do El Corte Inglés, Paulo Bengala, da Vortal/econstroi.com, Paulo Vila Luz, do BPI, Rui Marques, da Sport TV Portugal e Victor Martins Ferreira, da Fastaccess, como directores.



Notícias Relacionadas:

2005-03-15 - Associação de Comércio Electrónico certifica site do banco BPI

2005-01-18 - Vendas online em Portugal registam crescimento no Natal de 2004

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.