A Alcatel-Lucent anunciou os novos responsáveis máximos da empresa depois de Patrícia Russo e o presidente do conselho de administração, Serge Tchuruk, anunciarem a sua demissão no final de Julho deste ano e após seis trimestres consecutivos de prejuízos.

A direcção da companhia será agora assegurada por Ben Verwaayen, CEO da British Telecom de Fevereiro de 2002 até 1 de Junho deste ano, enquanto que a presidência ficará a cargo de Philippe Camus, sócio do grupo de investimentos Evercore Partner, director do grupo de meios Lagardère e ex-CEO da European Aeronautic Defence and Space.

Antes da sua passagem de seis anos como CEO da BT, Ben Verwaayen foi vice-presidente da Lucent e, nos anos 80, trabalhou na ITT, antecessora da Alcatel.

Ben Verwaayen ocupará o posto que até ao final de Julho esteve nas mãos de Patricia Russo e assumirá o controlo de uma empresa que em dois anos de fusão deitou por terra as expectativas dos investidores ao apresentar resultados financeiros negativos a cada trimestre que passou. Já Philippe Camus toma posse da presidência da Alcatel-Lucent a 1 de Outubro, substituindo Serge Tchuruk.

Notícias Relacionadas:
2008-07-29 - Direcção da Alcatel-Lucent demite-se após 6º trimestre consecutivo de prejuízos

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.