A Apple não tem tido a vida facilitada na China e os resultados da venda de smartphones referentes ao mês de maio confirmam a tendência de queda da empresa naquele país. De acordo a analista de mercado Counterpoint Research, o iPhone continuou a perder terreno face às marcas locais e a empresa da maçã já só ocupa o quinto lugar naquele que é o segundo maior mercado de smartphones a nível mundial.

As marcas locais Huawei, Vivo, Oppo e Xiaomi são agora as quatro principais vendedoras de smartphones na China, dominando já 53% do mercado. Em comparação, a Apple conquistou apenas 10,8%, menos 1,2% do que em maio de 2015. Já a Oppo foi a empresa que registou o maior aumento em proporção.

Apesar do crescente sucesso das fabricantes chinesas, as batalhas legais que a empresa tem travado nos últimos meses também ajudam a explicar os números. Entre regulamentos mais apertados para a versão chinesa da App Store, à retirada de produtos do mercado (iTunes Movies e iBooks), a Apple chegou, inclusivamente, a perder uma "guerra de patentes" contra uma pequena empresa chinesa que pretendia vender artigos de pele com nome "IPHONE" gravado.

Recorde-se que a empresa anunciou, no passado mês de abril, uma queda nas receitas pela primeira vez em 13 anos. 

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.