A Apple é actualmente a marca mais valiosa do mundo, lugar que "roubou" à Google. A imagem associada à empresa da maçã está avaliada em 153,3 mil milhões de dólares pelo ranking BrandZ Top100, elaborado pela consultora Millward Brown, numa subida de 84% face à classificação anterior.

A empresa gerida por Steve Jobs acabou com o reinado da gigante da Internet, que liderava o ranking desde que este foi lançado, em 2006. A forte valorização ficou a dever-se, sobretudo ao sucesso do iPad e do iPhone, tanto entre o público geral como entre as empresas.

Refira-se que numa outra listagem, publicada em Março último pela Brand Finance, a Google é apontada como líder, valendo, segundo a consultora, cerca de 44,3 mil milhões de dólares. Neste ranking, a Apple surge apenas na oitava posição.

De regresso à listagem da Millward Brown, as empresas ligadas às TIC voltam novamente a dar cartas ocupando mais duas posições - além do primeiro e segundo posto - entre as cinco marcas mais valiosas, arrecadados respectivamente pela IBM (3º) e pela Microsoft (5º).

China Mobile, Vodafone, Verizon, HP, Oracle, SAP e BackBerry são mais alguns exemplos espalhados pelo ranking.

Destaque para o Facebook que se estreia na 35º posição, lugar conseguido devido a uma valorização de 246% no último ano. A marca criada por Mark Zuckerberg vale actualmente 19,102 milhões de dólares, segundo a consultora.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.