O negócio ficou dentro dos valores que estavam previstos aquando do anúncio da intenção de compra e reforça o posicionamento da Atos no segmento de serviços digitais da empresa francesa.

A unidade de negócio de outsourcing e serviços de TI tinha sido integrada na Xerox depois da aquisição da ACS em 2009 mas a taxa de crescimento era reduzida, face aos segmentos em expansão de BPO e outsourcing de gestão documental.

Na altura do acordo, em dezembro, a Xerox adiantou que a área de ITO tinha 9.800 colaboradores em 45 países, sendo que mais de metade estavam localizados nos Estados Unidos. A unidade tinha gerado receitas de 376 milhões de dólares no terceiro trimestre de 2014.

Apesar do valor e da dimensão do negócio a aquisição não foi sujeita a grandes entraves e ficou fechada dentro do prazo definido, que era o final do primeiro semestre deste ano.

O acordo previu a transição da equipa da Xerox ITO para a Atos e tem ainda claúsulas adicionais, como a prestação de serviços de TI por parte da empresa francesa à companhia norte-americana.

Com a aquisição a América do Norte vai tornar-se a área geográfica de maior retorno para a Atos, com uma receita que ronda os 2 mil mihões de dólares.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.