A Intel reviu em alta as projecções de resultados para o terceiro trimestre do ano apoiada no aumento da procura de notebooks. As receitas para o período entre Julho e Setembro deverão variar entre os 9,8 e os 10 mil milhões de dólares, estimou a empresa num encontro com analistas citado pela C|Net.



As novas previsões mostram a confiança da fabricante na evolução do mercado, já que reduzem o limite inferior do intervalo estimado para os resultados neste período apresentado em Julho passado. Nessa altura a empresa previa que as suas receitas para o terceiro trimestre se fixassem entre 9,6 mil milhões de dólares e os 10,2 mil milhões.



Os notebooks vêm assumindo um papel cada vez mais relevante no negócio da Intel e no primeiro trimestre do ano contribuíram em 30 por cento para as vendas totais da companhia. No trimestre seguinte a produção de chips para este segmento voltou a ser apontado pela companhia como principal contributo positivo para os resultados.



No segundo trimestre deste ano a Intel obteve lucros de 2 mil milhões de dólares, numa queda de 2 por cento e receitas de 9,2 mil milhões de dólares numa queda de 6 por cento.



Notícias Relacionadas:

2005-07-20 - Intel melhora vendas e lucros mas desilude na comparação com trimestre anterior

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.