O comissário europeu responsável pela área da concorrência, Joaquín Almunia, revelou que a Samsung vai precisar de endereçar mais preocupações relativamente ao licenciamento de patentes nas próximas semanas. As propostas da empresa asiática foram consideradas como insuficientes pelos rivais no mercado europeu.

"Vamos ter em conta as respostas recebidas quando falarmos com a Samsung nas próximas semanas sobre possíveis melhorias nos seus compromissos", disse Joaquín Almunia durante uma conferência sobre patentes, citado pela Reuters.

Em outubro ficou-se a saber que a Samsung se tinha comprometido a não levar os rivais a tribunal durante cinco anos por causa de litígios de patentes. O remédio foi proposto depois de ter conhecido a possibilidade de vir a ser multada em 18 milhões de euros por não estar a respeitar regras comunitárias - como processar em demasiada a Apple e outros concorrentes.

A Samsung também se terá comprometido a um período de um ano em que vai licenciar novos termos de patentes - que em último caso podem ser decididos por entidades externas.

Mas de acordo com as indicações de Joaquín Almunia, os contra-interessados não ficaram satisfeitos com as propostas avançadas e querem mais compromissos.


Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.