A operação portuguesa da Cisco Systems fechou o ano fiscal de 2004 (terminado a 31 de Julho) com um crescimento de 25 por cento, que no primeiro trimestre de 2005 se acentuou para os 71 por cento, revelou hoje a empresa num balanço anual da actividade.



Para os resultados contribuíram o reforço dos negócios na área das telecomunicações, uma maior penetração no mercado de pequenas e médias empresas, assim como no segmento das grandes contas, onde se inclui o cliente Estado.



A empresa aponta a retoma do nível de investimentos no sector das telecomunicações, sobretudo em infra-estruturas de rede e banda larga, assim como a adopção e convergência crescente da Telefonia IP na Administração Pública, factores cruciais para o crescimento da operação local.



A empresa de tecnologia, forte impulsionadora das tecnologias IP, aponta ainda como principais factores de crescimento uma maior aposta dos seus clientes em tecnologias sem fios, redes IP e na segurança.



No que respeita a soluções concretas lançadas ao longo deste ano, a empresa destaca o Cisco Call Manager Express - uma solução dirigida às PMEs e novas linhas no programa de parceiros.



Em Portugal, a Cisco Systems conta com uma rede de 22 parceiros e mais mil distribuidores.


Notícias Relacionadas:

2004-02-18 - Cisco apresenta solução de videoconferência para os seus telefones IP


2003-11-11 - Cisco Systems avança com solução de telefonia IP para PMEs


2002-06-05 - Cisco dirige-se às PMEs com soluções económicas de VoIP

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.