Zeinal Bava já tinha afirmado que a viabilização do projecto do Datacenter da Covilhã e o desenvolvimento das novas fases está dependente da evolução do negócio, mas só hoje revelou o número de contratos já garantidos para o novo espaço.

Ao todo serão cem os clientes a ocupar os primeiros lugares nos bastidores das salas do primeiro cubo, estando entre os clientes fundadores clientes portugueses e brasileiros.

Entre as empresas contam-se a Abaco, Accenture, Associação de Futebol de Lisboa, Banco BIC, Millennnium BCP, BPI, Banco português de investimento, Remax, Cifial, Corticeira Amorim, ESRI Portugal, Auchan, Grupo BenSaude, Grupo Interpass, Grupo Lanidor, Grupo Lena, Grupo Mello, Grupo Rangel, Hospital Terra quente, Impresa, Indasa, ISA, MoreTextile, Municipio da Covilhã, Plural, La Redoute, Repower, ServiLusa, Taylor Fladgate, Phone House, Unicer, Vip Hotels, Visabeira, WeDo e Wipro.

Os nomes de clientes brasileiros que se constituem clientes através da Oi são a Ctis, Farmácia Pague Menos e Call Contac Center.

Estes foram os nomes do s clientes que subiram ao palco para assinar os primeiros contratos como clientes fundadores do Datacenter hoje inaugurado.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Fátima Caçador

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.