Um dia depois do lançamento do novo serviço de pagamentos móveis da Google, a eBay anuncia que vai processar a empresa de Internet e dois dos seus funcionários. Motivo do processo: roubo de segredos profissionais do grupo, associados ao serviço de pagamentos PayPal.



Garante a eBay, proprietária do PayPal, que o novo Google Wallet tira partido de informação na posse dos dois funcionários que foram contratados para lançar o serviço de pagamentos da Google.



Ao longo dos últimos três anos, a Google terá negociado com a eBay a possibilidade de fazer do PayPal o sistema de pagamentos móveis de suporte às transacções realizadas através de dispositivos equipados com a plataforma Android.



Na fase final das negociações já Osama Bedier, que a eBay alega ter sido o funcionário mais destacado nas negociações, estava a preparar a entrada para a dona do maior motor de busca do mundo, sem avisar a empresa da incompatibilidade de funções.



Osama Bedier e Stephanie Tilenius, ex-funcionários da eBay, trabalharam na empresa durante quase uma década. Stephanie Tilenius esteve na companhia entre 2001 e 2009 mas continuou ligada ao eBay até Março de 2010 como consultora.



No processo judicial garante-se que a executiva se juntou à Google como vice-presidente para a área de comércio electrónico, ainda em Fevereiro de 2010 e que foi ela que contratou Bedier.



Este, por seu lado, é acusado de apropriação de segredos comerciais da empresa e da sua utilização na Google. É ainda acusado de tentar ele próprio contratar mais recursos do eBay para levar para a Google.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.