A Tele2 já terá manifestado à EDP, maior accionista da Oni com uma posição de 56 por cento, o seu interesse na aquisição da operadora de telecomunicações. A notícia é avançada hoje pelo Diário Económico que diz não existirem ainda negociações formais com a administração da eléctrica nacional liderada por António Mexia, cuja equipa ainda a preparar um plano estratégico para o grupo.



Este plano deverá incluir uma avaliação do operador e estudo dos vários cenários possíveis para a Oni. Até porque a Tele2 não será a única interessada na aquisição da operadora. Escreve o diário que a própria equipa de gestão da Oni, liderada por Diogo da Silveira, também já terá apresentado uma proposta de aquisição do controlo accionista da empresa à administração da EDP.



A Tele2, por seu lado, não confirma nem desmente a notícia limitando-se a dizer que a propósito da compra da Comunitel - empresa detida pela Oni - no ano passado terá feito "estudos prévios sobre o grupo Oni".



Além da EDP integram o capital da Oni, o Millenniumbcp - com uma posição de 23 por cento -, a Brisa e a Galp que têm vindo a mostrar abertura para desinvestir na operadora.



A realizar-se, o negócio permitiria que a Tele2 tornasse mais expressiva a sua presença no segmento empresarial e anteciparia o desenvolvimento de uma oferta directa de serviços de telecomunicações, situação que o operador sueco vem preparando com a entrada em várias centrais da PT, até agora 86.
Já esta tarde um porta-voz da empresa de telecomunicações liderada por Diogo da Silveira disse à Reuters que o "management da empresa não fez nenhuma oferta para a compra da empresa", escreve o Jornal de Negócios.



Nota de redacção [15:56]: A notícia foi actualizada com desmentido da Oni sobre interesse na aquisição da empresa pelo management.



Notícias Relacionadas:

2005-07-15 - Tele2 compra operadora espanhola do Grupo Oni

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.