A Polar cria e gere ferramentas de recolha de opinião online, um ativo que vai ajudar a melhorar o Google + e a torná-lo mais simples e fácil de utilizar, refere a Google numa nota sobre o negócio.


A Polar acrescenta às explicações que até final do ano vai manter a oferta de serviços disponível para os atuais clientes. Também explica que vai disponibilizar uma ferramenta que permitirá exportar e guardar todos os dados dos inquéritos de opinião feitos pelos clientes para que a informação fique a salvo quando os serviços forem descontinuados.


A tecnologia da Polar já serviu de base à realização de mais de 500 milhões de inquéritos e consultas online. Conta atualmente com 1,1 milhões de utilizadores e mantém a tendência de crescimento.


Recorde-se que no final da semana passada a Google confirmou a aquisição de um fabricante de colheres inteligentes, que ajudam pessoas com doenças neuro-degenerativas a comer.


No final de agosto a empresa já tinha comprado a companhia encarregue dos efeitos especiais em filmes como Star Trek e na semana antes Jetpac, que cria guias turísticos. Em julho comprou o Twitch por mil milhões de dólares, só para citar alguns exemplos.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.