A Microsoft anunciou que está a oferecer indemnizações mais alargadas a todos os parceiros tecnológicos de forma a aumentar o nível de protecção de propriedade intelectual a fabricantes de computadores e vendedores independentes de software que usam os seus produtos.

O novo pacote de protecção da Microsoft fornecido aos fabricantes e a uma rede de retalhistas visa protegê-los da exposição a custos legais e pedidos de reparação de danos. Além disto, também cobre algumas companhias de software, que fornecem produtos de acesso seguro à Internet.

A Microsoft afirmou recentemente que o hardware e software desenvolvido pelos parceiros gera cerca de 18 mil milhões de dólares de receitas anuais, um nível que eles pretendem manter. Esta medida é por isso crucial também para se diferenciar dos sistemas Linux, actualmente alvo de vários processos legais.

A protecção de patentes, direitos de autor, segredos comerciais e protecção de marcas estende-se a versões actuais e futuras de software como o Windows Server System, Microsoft Office System e Windows.

Notícias Relacionadas:

2005-06-24 - Lobby a favor das patentes de software volta a discutir directiva

2005-06-07 - Microsoft avança com novas ferramentas de actualização automática

2003-12-03 - Microsoft partilha mais propriedade intelectual

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.