A Microsoft poderá estar a considerar uma nova tentativa de compra da Yahoo!, desta vez em conjunto com outros investidores, adianta a agência Reuters. A tecnológica já tinha feito várias tentativas de aquisição em 2008 mas fontes próximas do processo referem agora que a empresa criada por Bill Gates ainda continua interessada.

Recentemente a administração da Yahoo! tinha reunido para considerar as várias propostas de aquisição que tinham sido feitas à empresa. Embora a administração se mostrasse interessada em dar um novo impulso à área de publicidade e na estabilização da direção da empresa, depois da polémica saída da presidente Carol Bartz, as propostas de compra estavam a ser analisadas.

A Microsoft aparece agora entre as várias empresas que estarão a considerar propostas de compra, algumas das quais se dirigem apenas a partes do negócio da Yahoo!. Na lista estão também a Providence Equity Partners, Hellman & Friedman e a Silver Lake Partners, assim como o gigante de ecommerce chinês, Alibaba, e a empresa de investimentos russa DST Global, adianta a mesma fonte.

O valor de mercado do portal criado por David Filo e Jerry Yang em 1994 ronda atualmente os 18 mil milhões de dólares. As ações registaram ontem um impulso positivo relacionado com as notícias da aquisição, subindo 9 por cento para os 15,8 dólares.

Segundo a Reuters, a Microsoft pode estar também à procura de um parceiro para a compra.

Em 2008 a empresa liderada por Steve Ballmer fez várias ofertas de compra, fixando o valor em 47,5 milhões de dólares. A OPA acabou por ser barrada pela Administração da Yahoo! apesar do acordo de alguns acionistas, o que acabou por levar à demissão de Jerry Yang.

Mesmo assim as duas empresas fizeram um acordo para a área de publicidade, que ficou concluído em 2009 e tinha uma validade de 10 anos.

Escrito ao abrigo do Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.