Os resultados líquidos da Motorola para o primeiro trimestre do ano atingiram o valor mais elevado desde o início da década de 90, triplicando face ao período homólogo. O principal contributo para a boa performance da empresa chegou da área de telefones móveis cujas vendas aumentaram 67 por cento, batendo as previsões da própria empresa que apontavam para um crescimento a rondar os 25 por cento.



Os lucros da Motorola para o primeiro trimestre do ano fixaram-se nos 609 milhões de dólares, enquanto as receitas atingiram os 8,6 mil milhões de dólares, num crescimento de 42 por cento, avança um comunicado.



Os bons resultados, que aproximam a fabricante americana da Nokia, surpreenderam o mercado que reagiu de imediato provocando uma subida na cotação da empresa da ordem dos 24 por cento. Como os resultados foram divulgados depois do fecho do mercado, ontem nos Estados Unidos, a valorização de 3 dólares e 93 cêntimos registou-se já no mercado after hours.



O desempenho da Motorola é atribuído à aposta nos equipamentos com câmara, ecrãs a cores, leitor de MP3 e outras funcionalidades multimédia a preços competitivos, face à principal concorrente que tem vindo a perder quota em consequência do preço dos seus terminais.



Notícias Relacionadas:

2004-04-16 - Vendas da Nokia caem 2% mostrando dificuldade em acompanhar o crescimento do mercado

2003-01-09 - Motorola mostra "colecção" GSM para 2003

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.