Embora o mais recente relatório de contas da Netflix tenha registado um aumento de 10,1 milhões de novos subscritores no segundo trimestre do ano, as previsões dos analistas apontam para um terceiro trimestre com resultados financeiros que poderão ficar aquém das expetativas.

As previsões levaram a uma queda de 8% na bolsa de valores a 17 de julho. Ao todo, a gigante tecnológica perdeu 19 mil milhões de dólares em capitalização bolsista.

Resultados da Netflix na bolsa de valores
Quarentena faz disparar número de assinantes do Netflix
Quarentena faz disparar número de assinantes do Netflix
Ver artigo

Durante o segundo trimestre do ano, a empresa registou resultados de 1,77 dólares por ação. O valor situou-se abaixo das expetativas dos analistas que apontavam para 1,93 dólares por ação. De acordo com o relatório, as receitas apresentaram um crescimento na ordem dos 25% em comparação com o primeiro trimestre do ano, representando 6,15 mil milhões de dólares.

Devido à pandemia de COVID-19, a empresa reduziu o seu investimento em marketing em 28%. Os gastos com conteúdos também reduziram, uma vez que muitos dos estúdios que estiveram fechados para evitar a propagação da doença.

Para o terceiro trimestre, a empresa espera conseguir mais 2,5 milhões de subscritores, com as expetativas a rondar os 5,12 milhões no melhor dos cenários. Os analistas preveem que as receitas não ultrapassem os 6,33 mil milhões de dólares. Espera-se ainda que as ações da Netflix se situem nos 2,09 dólares.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.