O acordo final para a compra pela Portugal Telecom de uma participação na Oi foi completado, conforme indica uma comunicação feita hoje pela empresa. O negócio implica o desembolso de 8,2 mil milhões de reais (3,6 mil milhões de euros), que servem para garantir uma posição de 25,6 por cento na Oi e uma posição de 44,4 por cento na CTX.



No acordo que acabou por determinar os termos finais do negócio, as partes também definiram uma reestruturação da CTX, empresa controlada pela Contax, e a fusão da Contax com a Dedic / GPTI. O primeiro grupo, detido pelo grupo da Oi, opera contact centres e o segundo, controlado pela Portugal Telecom, contact centers e BPO.



A participação na CTX acontece por via da fusão das duas operações com "sinergias significativas para todos os accionistas", detalha a apresentação que resume o negócio, colocada pela operadora no site da Comissão de Mercado de Valores Mobiliários.



Na mesma comunicação mantém-se também a indicação de uma possível tomada de posição no capital da PT, pela Oi. A possibilidade já constava do pré-acordo e transita para o acordo final com a nota de que essa posição pode chegar aos 10 por cento.



A parceria com a Oi tinha sido anunciada pela PT a 28 de Julho, na sequência da venda à Telefónica da posição mantida na Vivo. Em Outubro o regulador brasileiro das telecomunicações dava luz verde ao negócio mas só agora foi possível concluir todas as negociações.



A finalização do negócio estava condicionada a uma decisão accionista relativa à fusão entre Telemar e Brasil Telecom, um negócio que se realizou há mais de dois anos e que criou as bases da empresa em que a PT se prepara para entrar.



Resolvidos todos os pontos, a PT acaba por entrar na Oi com uma participação superior à inicialmente prevista, como a imprensa brasileira já antecipava na semana passada e com um investimento inferior, àquele que também tinha sido previsto inicialmente. O negócio vai concretizar-se em diversas fases.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.