A Portugal Telecom confirmou a existência de contactos entre a operadora de telecomunicações portuguesa e o operador brasileiro Telemar. Numa comunicação enviada à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários a empresa liderada por Henrique Granadeiro acrescenta no entanto que "os referidos contactos cessaram".



Na comunicação a PT explica que "em resultado da deliberação do seu Conselho de Administração, foram restabelecidos contactos preliminares com accionistas da Telemar com vista à análise de eventuais oportunidades de negócio no mercado brasileiro".



O esclarecimento enviado pela Portugal Telecom à CMVM surge na sequência de um comunicado difundido pela brasileira Telemar e de um pedido de esclarecimentos endereçado à PT pelo regulador português do mercado de capitais.



No comunicado emitido pela Telemar confirmava-se a existência de contactos com a PT, mas garantia-se que as alternativas apresentadas pela operadora portuguesa foram "prontamente descartadas". A Telemar acrescentava que não existe qualquer negociação nem com a PT, nem com qualquer outro investidor estratégico ou financeiro.



Ao longo dos últimos dias as notícias dando conta de conversas entre a PT e operadores brasileiros têm-se sucedido na imprensa dando conta de que a operadora está à procura de um novo rumo para os seus investimentos no Brasil.



De acordo com estimativas já elaboradas por analistas, a avançar, um possível negócio com a Telemar para a tomada de uma posição de controlo na empresa obrigaria a PT a desembolsar 4 mil milhões de euros, mais do que os 3,1 mil milhões de euros que a operadora deverá encaixar se vender a actual quota de 50 por cento na Vivo, o operador móvel que detém em parceria com a Telefónica espanhola.



Notícias Relacionadas:

2007-05-30 - PT pode avançar com proposta para compra da Telemar

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.