A Portugal Telecom chegou a um acordo para vender a sua participação no portal brasileiro UOL, por mais de 150 milhões de euros, avançam hoje vários meios de comunicação nacionais.

De acordo com a informação veiculada pelo Jornal de Negócios, que cita um comunicado à imprensa brasileira, o comprador é João Alvez de Queiroz Filho, que se propõe pagar 350 milhões de reais (cerca de 158 milhões de euros) pelas acções da operadora portuguesa.

A mesma fonte afirma que entre acções ordinárias e preferenciais, a PT detém mais de 28 por cento do capital da empresa, mas a concretização do negócio ainda está dependente da decisão da Folhapar.

A holding, que controla a UOL e tem direitos de preferência na compra da participação da PT, apresentou uma proposta de aquisição de 320 milhões de reais (145 milhões de euros) em meados de Dezembro, mas espera-se que renuncie à posição e viabilize a venda.

A notícia sobre o acordo para vender a sua participação no portal - o maior da América Latina - surge depois de ter sido avançado que a PT poderia ser obrigada a alienar as acções para completar com sucesso o negócio com a Oi, que mantém um portal concorrente no mercado brasileiro. A questão estaria a ser avaliada pelo regulador da concorrência brasileiro, segundo relatou o Diário Económico na altura.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.