A principal exportadora nacional vai ter de encerrar a produção durante quinze dias, entre 28 de Março e 13 de Abril. O encerramento surge no seguimento da paragem na produção na fábrica de Dresden, que obriga Portugal a não receber matéria-prima a partir desta semana.

A notícia é avançada em comunicado pela administração da Qimonda Portugal onde é possível ler que a medida é aplicada na sequência "das decisões comunicadas pelo administrador de insolvência da Qimonda AG".

Uma vez que não se consegue "encontrar uma alternativa imediata" faz com que a fábrica se veja obrigada a suspender a sua actividade por duas semanas, algo que, de acordo com a administração "não terá impacto na remuneração dos colaboradores".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.