A Startup Portugal vai apoiar 115 startups nacionais na Web Summit, que decorre entre 13 e 16 de novembro, tendo as empresas uma média de dois anos de existência e 13 milhões de euros de investimento, segundo um comunicado.

As startups representam “uma ampla gama de setores, incluindo tecnologia, saúde, educação, finanças e sustentabilidade”, de acordo com a mesma nota.

“As 115 startups, inseridas no programa Road 2 Web Summit, têm uma média de dois anos de existência e estima-se que já levantaram um investimento total de 13 milhões de euros”, adiantou a organização.

Segundo a mesma nota, as empresas destacam-se ainda por praticarem “salários médios que superam em 30% a média nacional”, pela qualificação, utilização de Inteligência Artificial, presença internacional, independência financeira, foco em setores estratégicos, diversidade e impacto social.

"As startups que recebem apoio do programa Road 2 Web Summit desempenham um papel significativo no fomento do crescimento e da inovação da economia portuguesa, sendo que desde o início do nosso programa, já apoiamos um total de 800 startups inovadoras”, disse António Dias Martins, diretor executivo da Startup Portugal, citado na mesma nota.

O Road 2 Web Summit é “uma colaboração estratégica entre a Startup Portugal e a Web Summit, destinada a selecionar jovens startups para participarem no evento tecnológico”, recordou o comunicado.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, recebeu hoje as 115 startups, numa cerimónia que contou ainda com António Dias Martins, com o ministro da Economia e do Mar, António Costa Silva e Artur Pereira, VP, Country Manager Portugal & Brasil da Web Summit, segundo o comunicado.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.