Na Europa, 42 por cento dos utilizadores de telemóveis estão interessados nos serviços e aplicações que surgirão com a chamada tecnologia móvel de terceira geração (3G), indica a Taylor Nelson Sofres.



Mediante os resultados registados em estudo conduzido recentemente pela consultora de mercado, 21 por cento dos inquiridos afirmaram que pagariam mais seis a 10 euros por mês por serviços móveis de terceira geração como o MMS, acesso de alta velocidade à Internet e correio electrónico.



Grande parte dos utilizadores europeus de telemóveis que se dizem interessados na 3G afirmam também que estariam dispostos a pagar mais por um dispositivo com capacidade para operar naquela tecnologia do que por outro actualmente existente. O estudo revela que a maioria destes inquiridos pagaria cerca de 330 euros por um terminal 3G. Existe contudo alguma discrepância de valores entre os 10 países participantes no estudo.



Cerca de 77 por cento daqueles que mostraram interesse nos serviços 3G afirmam que lhes agrada essencialmente o envio e recepção de mensagens de correio electrónico através de telemóvel e os terminais com capacidades vídeo. Aproximadamente 47 por cento querem efectuar o download de ficheiros de música através dos seus telefones, enquanto 40 por cento indicaram que preferiam ver clips de vídeo.



Os europeus de leste mostraram contudo mais interesse pela terceira geração do que os utilizadores da Europa Ocidental. No estudo, 59 por cento dos utilizadores turcos e 51 por cento dos polacos afirma aguardar pelas aplicações 3G, comparativamente a apenas 34 por cento dos britânicos ou alemães consultados.



Para o estudo da Taylor Nelson Sofres foram inquiridos utilizadores de telemóveis de 10 países europeus: Bélgica, República Checa, Alemanha, França, Itália, Holanda, Polónia, Espanha, Turquia e Reino Unido.



Notícias Relacionadas:

2002-11-11 - Europeus reticentes em pagar por aplicações móveis GPRS e UMTS

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.