De acordo com o estudo Indicadores Estatísticos do Mercado das Comunicações Eletrónicas, relativo ao terceiro trimestre de 2022, elaborado pela Agência Reguladora Multissetorial da Economia (ARME), Cabo Verde contava naquele período com apenas 54.787 assinantes da rede fixa de telefone.

Trata-se de uma recuperação, face a setembro de 2021, de 2%, após quebras consecutivas nos últimos anos, representando uma taxa de penetração de 10 acessos por 100 habitantes, crescendo igualmente, 3%, face ao trimestre anterior.

A CV Multimédia, do grupo estatal CV Telecom, liderava o mercado da rede fixa, com uma quota de 52,5% no final do terceiro trimestre de 2022, seguindo-se a própria CV Telecom, que também opera essa rede, com 47,3%, e a Unitel T+ com uma quota de 0,2%.

No terceiro trimestre de 2022 foram gerados cerca de 5,8 milhões de minutos de conversação na rede fixa, correspondendo a um aumento de 18% face ao trimestre anterior, mas uma queda de 3% tendo em conta o mesmo trimestre de 2021.

No mesmo período, o total de assinaturas ativas do serviço de acesso à Internet em Cabo Verde caiu 3% em termos homólogos, para 444.590, mas 88% foi garantido através de tecnologia da rede móvel.

Com estes dados, a taxa de penetração da Internet em Cabo Verde cifrou-se no terceiro trimestre de 2022 no equivalente a 78 acessos por 100 habitantes, menos quase 2% face ao trimestre anterior e praticamente idêntico ao registado no mesmo período de 2021, segundo o estudo da ARME.

No que diz respeito às quotas de mercado por assinaturas de serviço de acesso à Internet, a CV Móvel, do grupo CV Telecom, detinha 55,36%, seguida da Unitel T+, com 40,13%, e da CV Multimédia, também do grupo estatal de telecomunicações, com 4,5%.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.