A tendência de crescimento dos serviços de TV paga tem sido constante nos últimos dois anos e no final de setembro a Anacom contabiliza a existência de 3,47 milhões de clientes, mais 5,4% do que no período homólogo.

Na fibra estão registados 761 mil clientes, quase mais 30% do que no ano passado, fazendo com que esta tecnologia de rede registe um crescimento acima de qualquer outra plataforma, como já acontecia noutros trimestres.

Mesmo assim, o cabo continua a ser a principal rede de suporte do serviço, representando 38,9% do total de assinantes. O ADSL, ou xDSL, já foi ultrapassado pela fibra e é responsável por 21,6% dos clientes enquanto o  DTH é usado por 17,5% do total de assinantes, sendo  também uma das tecnologias que mais tem crescido recentemente.

Atualmente 85,5 famílias em cada 100 tem serviços de televisão por subscrição, enquanto há um ano o número se fixava nos 82,3, e no final de setembro, 87% dos assinantes do serviço de TV por subscrição dispunham deste serviço integrado em pacote.

Os pacotes 3P, 4P e 5P foram os drivers do crescimento das receitas do serviço de TV por subscrição, atingindo os 1. 235 milhões de euros até setembro (em pacotes e stand-alone), mais 27,1% do que no período homólogo.

Em termos de quotas de mercado o grupo NOS mantém a liderança com 43,7%, seguindo-se a MEO, a Vodafone e a Cabovisão com quotas de 41,1%, 9,6% e 5,4%, respetivamente. Segundo a Anacom, a Vodafone foi o prestador que, em termos líquidos, mais assinantes captou no 3º trimestre.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.