A T-Online anunciou estar a testar uma tecnologia wireless desenvolvida pela empresa americana Flarion que supera as velocidades atingidas pelo UMTS nos dados em cerca de 10 vezes.



A decorrer na Holanda, esta experiência visa um grupo de utilizadores restrito cobertos por uma rede de teste instalada pelas empresas para experimentar a Flash-OFDM - Flash Orthogonal Frequency Division Multiplexing, avança um comunicado.



A subsidiária para a área da Internet da Deutsche Telekom explica que o seu objectivo é estudar os comportamentos dos utilizadores e a sua reacção a este tipo de tecnologia de base IP, desenvolvida em 2003.



A Flarion admite que estão a ser realizados testes da tecnologia em vários países, não só na Europa como nos restantes continentes, mas acrescenta que o objectivo não é fazer concorrência ao UMTS, que embora tenha uma componente de dados foi desenhado a pensar na voz, explica Joe Barret, director de marketing da empresa em declarações à Reuters.



Ao contrário o Flash OFDM, que pode utilizar a mesma frequência que o 3G, nasceu para permitir a circulação de grandes volumes de dados o que permite downloads mais rápidos e consequentemente mais baratos que o UMTS.



Numa antecipação do futuro, Joe Barret admite que o OFDM possa ser a tecnologia wireless para dados a dominar nos próximos anos, considerando que o HSDPA (que no próximo ano deverá ser introduzida com o objectivo de incrementar a velocidade de transmissão de dados no UMTS) possa sofrer atrasos e, tal como aconteceu com o UMTS, não corresponda exactamente às expectativas.



Notícias Relacionadas:

2003-04-04 - Número de lançamentos de redes 3G irá atingir o seu pico em 2004

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.