O roaming já tem os dias contados, depois de a noite desta terça-feira ter sido pautada pelo alcance de um tão esperado consenso sobre as taxas que serão cobradas entre as operadoras de telecomunicações para que os europeus possam fazer chamadas, enviar mensagens e navegar na internet ao preço “de casa” enquanto viagem pelo Bloco dos 28.

Assim, a partir de 15 de junho as novas regras entram em vigor e é desferido o “gole de misericórdia” ao roaming.

Por cada chamada de voz feita, a operadora do país de origem pagará 3,2 cêntimos por minuto à congénere do país de destino do seu cliente, pela utilização da rede, e um cêntimo por mensagem de texto.

Quanto aos dados móveis, serão cobrados 7,70 euros por cada GB. Contudo, este valor vai caindo anualmente até que, depois de 1 de janeiro de 2022, o montante deverá estabilizar nos 2,5 euros por GB.

Ainda esta semana, o comissário europeu com o pelouro da área digital tinha apelado à flexibilidade dos negociadores europeus e alertado para o risco de este impasse poder fazer com que os cidadãos perdessem confiança na capacidade da União Europeia para fazer jus aos compromissos assumidos.

Em comunicado, Andrus Ansip descreve este consenso como a “última peça do puzzle” e recebe-o com positivismo, congratulando os intervenientes pelos esforços empreendidos.

Explica a Comissão Europeia que a próxima fase passa pela validação formal do acordo pelo Parlamento e pelo Conselho europeus. Depois disso, as operadoras da União Europeia terão de começar a aplicar as medidas necessárias para se adaptarem às novas regras até dia 15 de junho.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.