O regulador do mercado das comunicações quer que todos os consumidores estejam mais cientes dos requisitos que devem verificar antes de comprar um equipamento de rádio e de comunicações eletrónicas. O objetivo é proteger a segurança e saúde dos consumidores, e evitar interferências entre equipamentos.

A maioria da informação é obrigatória em produtos vendidos na Europa, mas antecipando o Dia Mundial do Consumidor a Anacom publicou um folheto que vai distribuir em ações informativas da Direção-Geral do Consumidor, a primeira das quais se realiza hoje em Tavira,

Antes de comprarem um equipamento de rádio e de comunicações eletrónicas a Anacom avisa que os consumidores deve verificar a marcação CE, o nome e contacto do fabricante e/ou importador, a declaração de conformidade (no caso de equipamentos de rádio), o manual de instruções em português e a indicação de restrições de utilização (caso existam).

Entre os equipamentos abrangidos neste alerta estão televisões, recetores de rádio, telemóveis, smartphones e tablets, computadores, routers e consolas de jogos, entre outros.

As ações informativas vão decorrer em várias cidades do país, entre os dias 6 e 26 de março de 2018. Em algumas das sessões a Anacom vai ainda falar sobre contratos à distância, nomeadamente regras, direitos e cuidados a ter.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.