O relatório indica que 78% dos consumidores veem conteúdos em streaming várias vezes numa semana ou mais, face aos 69% que veem a televisão linear também várias vezes numa semana.

Globalmente a diferença é de dois pontos percentuais, de 75% para 77%, mas aqui ganha a televisão tradicional.

Em termos de tempo por dispositivo gasto a ver vídeos, a televisão continua a ser rainha e senhora, seguida do computador portátil e do desktop.

O smartphone, por sua vez, terá sido o dispositivo onde a visualização de vídeos mais tem crescido, numa subida de 12% face a 2012. O relatório indica que em Portugal os utilizadores assistem a mais de quatro horas de conteúdos vídeo no telefone por semana.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.