A Vodafone vai integrar na sua oferta para particulares e empresas uma solução de segurança para viaturas baseada em GSM. O Wireless SafeCar alerta o utilizador para um conjunto de situações possíveis quando um veículo está a ser roubado através de comunicação remota, para além de funcionar em conexão com um call center que auxilia o utilizador em situações de perigo.



Entre as situações que desencadeiam a emissão de um alerta para o equipamento móvel do dono de um veículo está a elevação ou rebocamento do veículo, o desligamento ou descarga da bateria, a introdução por terceiros da chave na ignição ou o facto do veiculo ultrapassar determinado limite de velocidade quando está a ser conduzido por um terceiro.



Em caso de roubo consumado o sistema permite localizar o veículo, graças ao GPS, e imobilizá-lo na primeira paragem que este fizer depois de ser activada remotamente esta funcionalidade.



Em situações de emergência o condutor pode contar com o apoio de um call center para pedir socorro num acidente, activando uma tecla de pânico existente no interior do veiculo que alerta o call center e permite o contacto áudio com o interior do veículo para perceber o que desencadeou o pedido de ajuda.



A comunicação com o veículo pode também ser bidireccional entre o dono do veículo e alguém que esteja a ocupá-lo, mas apenas em situações que os dois intervenientes tenham conhecimento dessa possibilidade.



O Wireless SafeCar está disponível para particulares e empresas e é comercializado nas lojas da Vodafone, Salvador Caetano e Santogal. As distribuidoras são, aliás, duas das três entidades credenciadas para instalar o sistema desenvolvido pela britânica i-mob.



Para particulares a instalação do sistema custa 512 ou 678 euros, consoante a opção pela versão Base ou Premium e tem uma mensalidade de 7 euros. Para as empresas há a possibilidade de assinar um contrato de fidelização de 24 meses que elimina o preço inicial e o transforma numa mensalidade de 32,90 euros, valores sem IVA e que são alterados após os 24 meses iniciais.



A prazo a Vodafone espera a adesão de outras marcas ao produto.



Notícias Relacionadas:

2004-09-30 - TMN alarga oferta de soluções de localização

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.