A plataforma CompraFácil oferece desde há pouco tempo um novo serviço, permitindo o pagamento em dinheiro através da rede PayShop.

Na loja online aderente ao CompraFacil.pt, o cliente escolhe a opção de pagamento payshop e obtém uma referência, que deverá anotar ou imprimir para depois apresentar num dos 3.500 agentes da rede dos CTT.

O agente regista a operação no terminal payshop e, depois de receber esse pagamento, entrega ao cliente o respectivo recibo comprovativo.

O Tek contactou Benedita Simas, directora-geral da Hi-Media, responsável pela plataforma, querendo conhecer um pouco melhor o serviço e os seus objectivos.

[caption]Benedita Simas[/caption]
TeK: Porquê a aposta no pagamento em dinheiro para as compras online? Acha que os consumidores continuam a não confiar nas formas de "pagamento electrónico"?

Benedita Simas:
Essencialmente porque se enquadra no principal objectivo do CompraFácil: oferecer soluções de pagamento que tornem o acto de compra online num processo cada vez mais simples, rápido e fiável, com custos mínimos.

O pagamento payshop é muito vantajoso - as empresas podem desta forma contornar a tradicional falta de confiança que ainda existe nos portugueses nos pagamentos electrónicos porque disponibilizam a forma mais básica de pagamento: o dinheiro.

A payshop também se torna bastante interessante para atrair clientes sem conta bancária em Portugal, como é que o caso dos turistas ou empresários estrangeiros, permitindo-lhes adquirir qualquer produto, bastando para isso dirigir-se á tabacaria mais próxima ou supermercado com a referência e o dinheiro para fazer o pagamento.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.