Redes Sociais, um valor "seguro" para o negócio
Por Jordi Gascón (*)

[caption]Jordi Gascón[/caption]As redes sociais encontram-se num momento decisivo da sua curta e brilhante história. Surge agora a oportunidade de liberar todo o poder das redes sociais e fechar negócios online de forma segura, convertendo os utilizadores em clientes. Com estas redes, o departamento de marketing obtém as leads que necessita para aumentar o negócio, e o departamento de TI apoia os objetivos da empresa ao garantir a segurança da empresa dos utilizadores das redes sociais dos sistemas de marketing da empresa.

Embora um "gosto" seja um bom começo para uma relação comercial, o problema é que todos os fãs e "gostos" não pertencem à sua organização - pertencem, sim, ao Facebook ou uma das outras plataformas de web social. Isto faz com que seja extremamente difícil para o seu departamento de marketing conseguir alcançá-los, orientá-los com campanhas que se relacionem com as suas necessidades - e fazer com que se movimentem ao longo do circuito normal que os leva a agir e a adquirir seus produtos e serviços. No entanto, o risco de afastamento desta oportunidade de web social é também demasiado elevado para qualquer empresa.

Cerca de 82% de utilizadores da Internet, que representa cerca de 1.200 milhões de pessoas, utiliza uma rede social, como o Facebook, o Google + ou o LinkedIn (Fonte: comScore Media Metrix, Worldwide, março de 2007 a outubro de 2011, "It's a Social World"). Por outro lado, 53% dos utilizadores adultos de redes sociais seguem uma marca e 70% dos mesmos fazem compras on-line (Fonte: Nielsen, " The State of the Media: The Social Media report" - Q3 2011). Como tal, as empresas devem preparar-se para aproveitar o potencial das redes sociais, que continuam cada vez com mais utilizadores.

Chegou pois a hora de começar a fazer dinheiro com a Web social: Convertendo os fãs e os "gostos" nas redes sociais em clientes compradores.

Trazer os clientes para o interior do ecossistema
E como é que isso se faz? A maneira mais simples passa por trazer os fãs para o seu próprio ecossistema de marketing e vendas - como CRM ou sistemas semelhantes - e começar a construir um relacionamento com o cliente mais próximo e mutuamente gratificante. Os fãs podem usar as suas identidades de social media para conectarem-se ao seu ecossistema. Assim que estiverem no seu interior, é possível comunicar com eles de forma mais eficaz, inovar com novas e convincentes campanhas que visam dar maior notoriedade, gerando receita e impulsionando o crescimento.

Mas fique desde já avisado: Depois de trazer os fãs para o seu ecossistema, a sua empresa fica de repente responsável pela proteção dos seus dados pessoais. Enquanto os profissionais de marketing ficam concentrados na oportunidade comercial, o profissional de TI terá de ficar com atenção às regras de privacidade de dados e as regulamentações, as leis sobre cookies e outras questões de segurança.

Pode acontecer que a equipa de segurança de TI opte por uma implementação mais lenta para assegurar que são cumpridas todas as leis de privacidade dos consumidores, a não ser que os responsáveis de marketing queiram acelerar o processo. Inclusivamente, pode representar uma ruptura entre o departamento de marketing caso este decida implementar a sua própria solução sem contar com o departamento de TI. Na realidade, isto já está a acontecer. Um estudo da Gartner, Inc., "Maverick* Research: Marketing Is the New IT Buying Powerhouse", de Laura McLellan, 7 de Outubro de 2011, revela que o departamento de marketing controla atualmente mais de um terço da tecnologia relativa a marketing e é, além disso, o comprador ou o principal influenciador na aquisição de 80% da tecnologia e serviços de marketing.

Ligação segura e federada num só passo

Estão disponíveis no mercado soluções comprovadas que permitem converter os fãs e os "gostos" de uma plataforma de social media para o ecossistema da sua organização de marketing, que seguem todos os aspetos de privacidade e de proteção de dados, e que contornam a necessidade que os utilizadores têm em fazer o login várias vezes ou preencher diversos formulários com a mesma informação.

Mas também não estamos a falar apenas de vulgares soluções que apenas se tem de identificar uma vez e ligar-se a vários sistema. Estamos a falar de evitar que os funcionários da empresa tenham de entender os detalhes técnicos das leis de privacidade de dados, standards PCI, ISO 27002 e Sarbanes Oxley e, ao mesmo tempo, fazer com que os sistemas sejam compatíveis com os das redes sociais.

Tudo o que necessita é uma solução de conexão segura, com uma federação segura, tudo gerido centralmente. A solução CA SiteMinder, por exemplo, oferece um planeamento unificado que permite precisamente isso. A experiência de utilizador é excelente pois pode continuar a usar a sua identidade de social media, não sendo obrigado a identificar-se repetidamente ao aproveitar as ofertas e recursos que oferece.

Com estas soluções, o marketing nunca mais vai olhar para as TI com os mesmos olhos, já que se encontra perante uma tecnologia flexível, bem implementada no local ou baseada na cloud, que permite trazer os clientes de uma forma rápida e simples, que permite selecionar as opções de privacidade de dados e que permite que o marketing possa fazer mais e de uma forma mais rápida aquilo que ele faz de melhor: gerar oportunidades de venda.

Já há empresas que estão a usufruir destas vantagens, como por exemplo um grande fabricante mundial de automóveis, que está a usar a rede social para promover iniciativas de marketing orientadas a vendas, tais como a gestão de leads em circuito fechado e a qualificação de leads. A organização está a usar os recursos federados de SSO da solução CA SiteMinder para a utilização segura das credenciais de login dos seus fãs no Facebook de modo a que possa registá-los diretamente junto do vendedor de automóveis e fornecer ao mesmo tempo importantes informações demográficas adicionais.

Com as informações que proporcionam, o fabricante de automóveis pode colocar em ação um programa de marketing para apoiar o lançamento de um novo modelo.

Se concorda, clique em "Gosto".

(*)Technical Sales Director, CA Technologies Iberia

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.