O protocolo de cooperação assinado esta quinta-feira pelas três empresas prevê a união de esforços no desenvolvimento de uma plataforma de conhecimento e competências na área das SDN - Software Defined Networks.



As três entidades vão cooperar em projetos de investigação e desenvolvimento de soluções SDN orientadas a situações da vida real. À FCT cabe orientar a atividade dos alunos que realizam trabalhos nesta área. À HP cabe assegurar o acesso a "elementos físicos e lógicos necessários aos processos de investigação e desenvolvimento" e à comunidade SDN. A Reditus apresentará propostas de projetos e contribuirá com conhecimento obtido por via dos projetos realizados na área das redes, para além de fazer a articulação entre os parceiros.



As tecnologias de SDN são uma tendência emergente, que já está a ser observada em várias indústrias, como a das telecomunicações. Levar inteligência às redes e abrir caminho à virtualização de equipamentos é um atrativo importante no que se refere aos custos. As soluções de convergência também ganham potencial neste tipo de arquitetura organizada em três camadas: infraestrutura, software e aplicações.



Com esta parceria as três entidades pretendem explorar caminhos para novas soluções que tirem partido da tecnologia, tendo como objetivo final a criação de produtos comerciais.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.