http://imgs.sapo.pt/gfx/504784.gif

Criado em 2005, o Einstein@Home anunciou há poucos dias a sua primeira vitória: a descoberta de uma estrela de neutrões, ou pulsar.



O projecto de computação distribuída marca presença em cerca de 200 países ligando mais de 500 mil computadores com o objectivo de analisar os dados recolhidas pelo Laser Interferometer Gravitational wave Observatory (LIGO) nos EUA e pelo observatório de ondas gravitacionais GEO 600 na Alemanha, em busca de sinais produzidos por estrelas extremamente densas e de rápida rotação.



A partir do site pode obter mais informação acerca do projecto e nomeadamente doar a capacidade de processamento do seu computador à “causa”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.