Este é dispositivo que apresenta preços elevados face ao formato convencional de aspirador, mas que tem evoluído a olhos vistos nos anos mais recentes, fazendo com que o processo de aspiração “robotizada” e autónoma esteja hoje mais eficaz que nunca.

Os aspiradores-robot fazem parte dos catálogos da maioria de marcas de tecnologia que apostam nos pequenas e médios eletrodomésticos, com tecnologias e funcionalidades que simplificam o momento da aspiração, por um lado, e, por outro, provam que conseguem efetivamente melhorar os índices de limpeza ao mesmo tempo que poupam tempo e trabalho ao utilizador.

Podemos destacar, assim, três elementos tecnológicos que caracterizam os aspiradores-robot do momento, principalmente os que se situam num patamar mais elevado entre as gamas de cada fabricante. E o primeiro aspecto, porventura o mais importante, é efetivamente a capacidade para mapear o chão de toda a casa do utilizador e proceder à aspiração sem sequer tocar em objetos e eventuais “obstáculos”.

Veja as imagens abaixo e os detalhes de cada modelo

Pelo que já tivemos oportunidade de experimentar com diversos modelos, um aspirador-robot consegue ter sucesso confirmado no recurso a vários sensores infravermelhos e a câmaras para manter-se afastado de mobiliário e outros elementos que façam parte da “fisionomia” de cada divisão da casa.

O dispositivo traça um mapeamento dos espaços e toma essas referências como base a partir de então, inclusive, para que o processo de limpeza passe a ser otimizado, permitindo tornar a tarefa ainda mais rápida e eficiente. Há até modelos que permitem criar barreiras invisíveis que impeçam o aspirador de entrar em determinadas divisões da casa. Da mesma forma, determinados modelos conseguem ser eficazes também sobre tapetes e carpetes, superfícies que impedem a ação de aspiradores do género mais baratos.

Neste processo, o segundo aspecto que gostaríamos de ressalvar é a autonomia. Este fator depende de cada marca, modelo e sistemas adotado, mas é certo que, perto da descarga total da bateria, o dispositivo regressa à estação-base automaticamente, retomando a limpeza assim que os níveis de autonomia estiverem estabelecidos.

Neste seguimento, este e todos os outros parâmetros e funcionalidades gerais do aspirador podem ser geridos, isto nos modelos mais avançados, a partir de uma app móvel gratuita disponibilizada pela fabricante e que podemos instalar no smartphone sem problemas.

E este é o terceiro aspecto que consideramos como fundamental na utilização de um gadget com estas características e para a finalidade em causa. Pode assim configurar várias opções no equipamento, sendo o extremo a programação das limpezas automáticas. Ou seja, pode solicitar que o aspirador efetue uma limpeza todos os dias, por exemplo, à mesma hora e enquanto está fora de casa. Pode acompanhar, gerir e interromper/retomar o processo à distância e com a ajuda do seu terminal móvel, assim.

Entre a oferta no mercado escolhemos cinco sugestões que estão entre as mais bem equipadas a nível de funcionalidades no mercado português, sendo que, consequentemente, são também algumas das mais dispendiosas. Estão na galeria de imagens nesta página.

Se preferir experimentar este tipo de equipamento tecnológico de limpeza começando por um modelo mais acessível, pode sempre procurar entre as gamas de entrada de cada uma das respetivas marcas e também junto de fabricantes como a Vileda, Xiaomi, Philips, Ecovacs, Bosch e outras.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.