Há realmente jogos muito apetecíveis para jogar no smartphone ou no tablet, e a variedade, complexidade e poder de "viciação" são grandes, por isso não é de estranhar que a equipa do SAPO TEK também caia nesta teia e que haja semanas em que os jogos dominam as sugestões de aplicações a instalar. É este o caso.

Entre o novo Harry Potter: Wizards Unite que foi disponibilizado, em alguns países, esta semana e um RPG japonês com gráficos ao estilo anime, há muito para escolher, incluindo o primeiro  primeiro jogo da Valve para smartphones, o Dota Underlords.

Mas temos também uma app para os papás de primeira viagem e uma aplicação que revela com realidade aumentada esculturas de Leonel Moura em Lisboa. São todas gratuitas e há opções para Android e iOS. Quais vai instaler esta semana?

Está na hora de regressar ao trânsito, mas para jogar

O trânsito de Traffic Run! será com certeza mais fácil de suportar do que o do dia a dia para muitos portugueses.

Neste jogo simples próprio para matar o tempo, o utilizador conduz um carro que terá de cruzar (ou “juntar-se” a) diferentes vias de tráfego, em alguns casos muito intenso, tentando evitar acidentes.

Para não bater no carro da frente, nem ser atropelado pelo de trás é preciso controlar muito bem a velocidade do veículo, alternando entre o toque no ecrã para acelerar e o “não toque” para travar.

Pelo caminho tem a possibilidade de apanhar algumas moedas, à medida que vai passando por alguns níveis, que depois lhe permitirão ir até à oficina e trocar de "bólide".

O Traffic Run! é gratuito e está disponível tanto para Android como para iOS.

The Alchemist Code, um RPG japonês com gráficos ao estilo anime

Ao longo do jogo, o utilizador terá a hipótese de recrutar mais de 50 personagens, que poderá posteriormente desenvolver em termos de atributos ou aparência.

The Alchemist Code é um role-playing game de origem japonesa que decorre num mundo de fantasia dominado pela alquimia, um poder oculto que pode alterar o destino dos mundos. O sistema de combate do The Alchemist Code funciona por turnos, baseado em clássicos do género como o Final Fantasy Tactics ou o Tactics Ogre.

No início o utilizador apenas pode jogar com a personagem do herói, mas ao longo do jogo poderá recrutar mais de 50 personagens diferentes, sendo-lhe também permitido personalizar a sua aparência, classe e desbloquear novos atributos. O story mode do The Alchemist Code leva o jogador a atravessar vários capítulos, onde tomará conhecimento da história por trás de cada personagem.

The Alchemist Code é um RPG de estratégia para dispositivos móveis com gráficos 3D ao estilo anime que permite também jogar online, em modo de cooperação, até quatro jogadores. Pode ser instalado gratuitamente em equipamentos que disponham dos sistemas operativos Android ou iOS.

App de realidade aumentada espalha esculturas virais por Lisboa

O novo projeto do artista Leonel Moura combina arte com novas tecnologias, materializado em esculturas com formas de vírus concebidas através de um algoritmo.

A tecnológica portuguesa NextReality desenvolveu uma aplicação de realidade aumentada para o novo projeto do artista Leonel Moura. Nesta exposição, 17 esculturas de realidade aumentada estão espalhadas pela área da Grande Lisboa, com formas de vírus ou pequenos organismos, concebidas através de um algoritmo especialmente desenvolvido para esta iniciativa.

O projeto visa combinar arte com novas tecnologias. Com a aplicação Lisboa Viral, o utilizador pode recorrer ao smartphone para ver animações em realidade aumentada das esculturas presentes em locais emblemáticos, como a Torre de Belém, o Palácio de Belém, a Praça do Comércio, o Chiado, o Rossio, o Cais do Sodré, o Bairro Alto, Alfama, a Estação do Oriente, a Boca do Inferno (Cascais), o Palácio de Sintra, a Praia dos Pescadores (Ericeira), o Cabo Espichel (Sesimbra) e o Palácio de Mafra.

Depois de instalada, a app revela a localização das esculturas de Leonel Moura e dá a conhecer o ponto onde o utilizador se encontra no momento. Para ver as animações de realidade aumentada, basta dirigir-se ao local das instalações e procurar as esculturas, que só são visíveis através a câmara do equipamento móvel. A Lisboa Viral disponibiliza então a animação destes vírus no ecrã do dispositivo.

Apresentada pela NextReality como “inédita em Portugal e um dos primeiros projetos deste género no mundo”, a exposição de realidade aumentada tem o apoio do Turismo de Lisboa e vai estar disponível durante 2019. A aplicação está disponível gratuitamente para equipamentos com iOS ou Android, nas respetivas app stores.

Use o poder da palavra para ajudar os super-heróis da Marvel a derrotar inimigos

Marvel Hero Tales incentiva os jogadores a controlar a história através de palavras e é uma ferramenta para ajudar os mais jovens a desenvolver o vocabulário.

Nesta nova aventura para smartphones, Spider-Man e Ms. Marvel serão controlados através de palavras, em ações como correr, saltar ou navegar pela cidade através das teias de aranha. Os jogadores terão mesmo de derrotar os inimigos através de palavras que devem ser escolhidas mediante o contexto da história. À medida que avança pela narrativa novas palavras serão adicionadas às ações, tornando as personagens mais poderosas.

O jogo foi criado por especialistas no desenvolvimento de linguagem, e pretende ensinar as crianças a ler e a desenvolver o seu vocabulário. Através destas os jogadores irão criar e personalizar a sua própria história em torno dos conhecidos super-heróis e vilões da Marvel, num ambiente de banda-desenhada.

A produtora promete novas histórias, heróis, vilões, entre outros conteúdos numa base mensal. Pode fazer o download gratuito de Marvel Hero Tales para versões iOS e Android.

Nova aplicação ajuda jovens mães a lidar com doenças dos bebés

A Bebé App, lançada pela Associação Vida Norte, tem como finalidade orientar os pais de modo a saberem o que fazer perante certos sintomas apresentados pela criança.

A Associação Vida Norte lançou no passado dia 1 de junho a aplicação gratuita Bebé App, com o objetivo de combater a iliteracia ligada à saúde das jovens mães e tentar diminuir o acesso recorrente às urgências dos hospitais. A app destina-se a cuidadores de crianças até aos 6 anos de idade, contendo despistes dos sintomas que representam motivos frequentes de recurso aos serviços de urgência pediátricos.

Em declarações à Agência Lusa, a presidente da associação explicou que “no âmbito da nossa intervenção percebemos que existiam algumas carências de literacia ligada à saúde das mães que acompanhamos e que frequentemente se dirigiam às urgências por questões associadas à febre, vómitos e diarreia e que poderiam ser precavidas".

Isabel Pessanha Moreira acrescenta que "após contacto com vários médicos, percebemos ser também preocupação dos profissionais de saúde o recurso excessivo às urgências, sobrecarregando os serviços e expondo as crianças a outras infeções".

Isabel Pessanha Moreira revelou ainda que antes do lançamento a Bebé App "foi apresentada a vários especialistas que consideraram ser um projeto inovador" tendo sido já integrada na "Biblioteca de Literacia em Saúde do Serviço Nacional de Saúde".

Contudo, a disponibilidade da aplicação "não substitui a consulta a um profissional de saúde". Para a diretora da Associação Vida Norte, a Bebé App “é uma orientação para os pais, muitas vezes inexperientes, saberem o que fazer perante certos sinais e sintomas que a criança tem".

A aplicação é compatível com os sistemas operativos Android e está otimizada para uso nos dispositivos móveis mais comuns, podendo ser descarregada gratuitamente no Google Play.

Dota Underlords é o primeiro jogo da Valve para smartphones e vai atrás do novo género da moda

Depois do sucesso de Auto Chess, a empresa responsável pelo Steam lançou a sua versão do jogo de estratégia inspirado no universo Dota.

Tal como aconteceu com o género MOBA, há um novo subgénero que poderá tornar-se moda, o Auto Chess. O jogo original, que também foi lançado recentemente nos dispositivos móveis, foi construído como um mod de DoTA 2 da Valve, mas acabou por se desligar e criar o seu próprio universo.

A Valve viu assim oportunidade de converter o Dota Auto Chess no jogo oficial da empresa (até porque tem cerca de 8 milhões de jogadores ativos), e assim nasceu Dota Underlords, que depois do PC chega aos smartphones e é o primeiro jogo da empresa dona do Steam para dispositivos mobile.

As regras são semelhantes ao jogo original e incentiva os jogadores a construírem um exército de personagens, que funcionam como peões de um tabuleiro de xadrez. Terá de conhecer as peças que coloca no terreno, cada uma com as suas habilidades próprias. Neste caso, as partidas desenrolam-se entre oito jogadores, mas não no mesmo ecrã, apenas as suas estatísticas são visíveis. O objetivo é causar dano aos adversários, sendo eliminados quando chegam a zero de energia.

O jogo apela ao colecionismo de cartas e caso junte três da mesma unidade poderá combiná-las para que se tornem mais poderosas.

Poderá jogar Dota Underlords gratuitamente nas versões iOS e Android, ainda que o jogo esteja rotulado como beta.

Atenção fãs: Harry Potter: Wizards Unite já está a lançar magia

A Niantic anunciou que o novo jogo de realidade aumentada está disponível desde sexta-feira nos mercados americano e britânico, alargando-se progressivamente ao resto do mundo.

Harry Potter: Wizards Unite, o novo jogo de realidade aumentada da Niantic (os criadores de Pokémon Go), foi lançado nos Estados Unidos da América e no Reino Unido e este é início do lançamento mundial do jogo. Porém, a Niantic não revela para já o dia exato em que chegará a outros países, dizendo apenas aos fãs que estejam atentos pois o momento estará para breve.

O jogo tinha sido disponibilizado em versão beta, mas apenas na Austrália e na Nova Zelândia mostrando que o Harry Potter: Wizards Unite é semelhante ao Pokémon Go, mas com “maior complexidade mecânica”. Para 2019 estão previstas mais apostas de peso em jogos em realidade aumentada, nomeadamente Dragon Quest e Minecraft Earth.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.