O evento acontece esta quarta-feira, mas as novidades a apresentar têm vindo a ser “descobertas” por diferentes leaks ou por “distrações oficiais”, que às vezes acontecem. Uma das mais recentes foi protagonizada pela Walmart, que revelou aquele que será o preço e a data de lançamento da assistente Google Home Mini.  A par do Mini, poderá surgir também uma versão Max.

O dispositivo esteve listado para venda no site do supermercado por alguns instantes, mas foi o tempo suficiente para conhecer alguns dos detalhes de venda ao público. De acordo com o Walmart, o Google Home Mini vai custar 49 dólares e estar disponível a partir do próximo dia 19 de outubro.

Em adição a este leak, o portal 9to5Google teve acesso a uma outra imagem do Google Home Mini. Neste caso, o aparelho surge ao lado de um smartphone desconhecido que, ao que tudo indica, será um dos novos Pixel a apresentar esta tarde.

Relativamente aos telefones, os rumores apontam para o lançamento de, pelo menos, dois modelos, que irão suceder aos atuais Pixel e Pixel XL. Sugere-se um Pixel 2 XL, com ecrã de moldura mínima e cantos arredondados, e um modelo de menor dimensão, com moldura “tradicional”.

Há também rumores a indicarem a existência de um “terceiro elemento”, topo de gama, chamado Ultra Pixel, com ecrã (ainda) maior e melhor do que os seus companheiros.  O equipamento deverá chegar ao mercado com dupla câmara traseira e um novo tipo de sensor de impressões digitais – que pode estar integrado por baixo do display do telemóvel.

No campo dos smartphones, fala-se também de um novo recurso para “chamar” o Google Assistant, que passa pela sensibilidade à pressão na moldura – como acontece com o que a HTC (recém adquirida pela Google) fez no U11.

É provável que o próprio Google Assistant tenha uma nova versão, capaz de operar em computadores. A suspeita foi levantada pelo 9to5Google que descobriu várias referências a uma suposta presença do Google Assistant nos Chromebooks, ao longo de várias aplicações lançadas pela tecnológica norte-americana.

A Google também deverá aproveitar o evento desta quarta-feira para atualizar a sua linha de notebooks com o Chrome OS. Na calha poderá estar um “Pixelbook”, sucessor do Chromebook Pixel, que deve custar 1.199 dólares nos Estados Unidos. O computador seria uma espécie de flagship aplicado aos Chromebooks, com caraterísticas de topo, e poderá ter uma caneta stylus associada, vendida separadamente.

Acompanhe o evento a partir do Live Blog do TEK.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.